Pages

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Antônio Erismar está fora dos projetos políticos do prefeito Ildemar

Depois da resolução do PT que proíbe as alianças com o PSDB, PPS e DEM, expedida no 4º Congresso Nacional, que aconteceu em Brasília, o vice prefeito, Antônio Erismar, ficou fora dos projetos políticos do gestor municipal Ildemar Gonçalves dos Santos, que hoje tenta viabilizar o nome de Aluísio Silva Sousa, atual presidente da Câmara Municipal de vereadores, no lugar de Antônio.

Atualmente, o líder maior do PT no município, enfrenta uma forte oposição dentro do partido, em função de sua aproximação com os tucanos. Os únicos favoráveis à aliança PT/PSDB são os filiados que estão empregados na prefeitura, lotados na Secretaria de Agricultura, os quais estão preocupados apenas em manter seus empregos do que cumprir com as determinações do partido.

A executiva nacional tem olhado com muita atenção o comportamento de Antônio Erismar. Ele insiste em manter o PT em um grupo que faz oposição tanto a Dilma Rouseff, como a governadora do estado Roseana Sarney. Em uma reunião em que o vice governador Washington Luís participava, o mesmo afirmou que “Antônio chegou onde tinha que chegar”.

O vice-governador do Maranhão não tem ficado muito satisfeito com os projetos de Antônio, que em 3 anos não soube viabilizar o partido para participar diretamente das eleições municipais em Açailândia. Ao que tudo indica, se o PT perder o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos – STIMA, Jarles Adelino, o partido não fará nenhum vereador nas eleições de 2012.

Antônio Erismar, de tanto conviver com os tucanos, está desalinhado dos princípios do Partido dos Trabalhadores. Conversando com Jales Adelino, o mesmo disse que “Antônio deveria aproveitar a convenção dos tucanos e se filiar ao PSDB, indo de vez para o ninho tucano”. Jales, na coletiva dada à imprensa pelo grupo de oposição, através de uma carta ao povo açailandense, lançou-se candidato a prefeito nas eleições de 2012.

A atitude do sindicalista está dentro do esperado por um verdadeiro petista, diferente de Antônio, que anda dizendo que é pretenso candidato a vice-prefeito na chapa do PSDB. Antônio quer repetir a aliança de 2008, só que o cenário político é outro e muitas águas rolaram por debaixo da ponte. Com certeza a governadora Roseana Sarney não deixará isto acontecer.

Enquanto isso, o pretenso candidato a prefeito pelo PT, Jales Adelino, orientado por São Luís e Brasília, vai fazendo campanha junto com o grupo que é aliado da governadora Roseana Sarney e aliado da presidente Dilma Rouseff, não querendo nem aproximação com os tucanos.
 
FONTE:  BLOG Pr. SILVIO VIEIRA

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.