Pages

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Como melhorar uma cidade sem a colaboração de seus "moradores"!


É com muita alegria que vejo os movimentos sobre mudança, transformação e melhoria de um lugar, no entanto é preciso constatar se, de fato, os que clamam por tal mudança, realmente são comprometidos com ela.

Dias atrás vi uma enxurrada de indagações a respeito do atraso na coleta do lixo na cidade de Açailândia e a falta de recipientes nos locais estratégicos, e seguindo o cronograma de ações de limpeza pública, a prefeita Gleide Santos determinou que fossem colocados contêineres nas esquinas onde antes serviam para formação de pequenos lixões.
O problema é que parece que os mesmo que antes pediam por isso, agora não sabem cuidar do patrimônio que lhes foi dado, digo isso com muita tristeza, pois mesmo havendo a ação de colocar contêineres, cobrar da empresa licitada para que haja mais agilidade na coleta do lixo e mais qualidade também na limpeza pública num geral, por parte da administração, a população parece estar meio alheia a essa responsabilidade.

Claro, não posso aqui generalizar, mas infelizmente boa parte da população, além de não cuidar, não se manifesta quando alguém depreda ou vandaliza algo que é dele também.
Os contêineres de coleta de lixo tem pouco menos de um mês que foram colocados na cidade, mas boa parte já sofreu depredação ou vandalismo, não bastasse a pessoa não cuidar jogando o lixo fora do local adequado, ainda depreda o que os educados tem a sua disposição.
“Parabéns sociedade, estamos evoluindo”

1 comentários:

Eduardo Hirata disse...

Caro Jasiel, educação (sensibilização-conscientização) é um processo de longo (e bota longo nisso...) tempo e prazo, e tem validade com as crianças, com a novíssima geração. Querer "educar" as atuais, jovens, adultas, idosas,é complicado, viciadas que são na anticidadania...
Cabe mais a Prefeitura ( o poder público municipal) exercer o seu direito e dever de "policia", sua obrigação de monitorar, fiscalizar, reprimir, responsabilizar, atuar... Já se disse que grandes problemas em nossa sociedade e país são resultados da negligência, descaso, omissão e incompetência do Estado/governos, a começar do municipal, pois "as coisas" acontecem no município...Temos leis (código de postura, estatuto da cidade, plano diretor, ambientais, etc.,ect) e cabe a Prefeitura executá-las, cumpri-las, e isso é coisa que falta em nosso município, desde sempre, lamentavelmente. Conheço cidades (e aqui no Brasil, sim...) sem vandalismo, sem lixo na rua, sem gente sugismunda poluindo o ambiente, onde se constata a Prefeitura/poder público fazendo o que tem de fazer: governar, no interesse da mairoia, do bem-comum. com monitoramento, fiscalização, autuação, responsabilização... por aqui, anda fora do controle, você não vê fiscalização (ambiental? sonora? trânsito/transporte públixo ? habitação/ocupação do solo? comércio ambulante? acessibilidade?etc., etc?). Só pode dar no que está dando. Passando da hora atual executar, aplicar a lei, Se governos passados não fizeram, o atual vai seguir o mesmo caminho, então qual é a diferença, qual é a mudança? Um abraço, bom trabalho, saúde, paz!

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.