Pages

quinta-feira, 27 de março de 2014

Vacina contra o HPV já atingiu mais de 2 mil adolescentes em Açailândia




Adriana Parra, Coordenadora do Departamento de Imunização

As equipes de aplicação da vacina contra o Papiloma Vírus Humano (HPV) em Açailândia já passaram por 35 escolas da zona urbana e rural, imunizando 2.762 adolescentes, dados registrados até a última sexta-feira.

Iniciada no dia 10 de março, a campanha de combate ao vírus continua sendo desenvolvida e a meta da Secretaria Municipal de Saúde é de vacinar mais de 80% das adolescentes dentro do município de Açailândia. O Departamento de Imunização que coordena a logística de distribuição e aplicação das doses informou que o cronograma apresentado está sendo cumprido.

Adriana Parra, coordenadora do Departamento de Imunização, esclarece aos pais e interessados que segundo a determinação do Ministério da Saúde, as vacinas são destinadas única e exclusivamente às meninas de 11 a 13 anos. “Nós temo uma meta a cumprir. Os pais e a população tem que entender a importância da vacina ora destinada para esta faixa etária. Por isso todos devem aderir e levar a sua filha para vacinar, objetivando evitar problemas de saúde futuro, neste caso o Câncer do Colo do Útero”, explica Adriana.



Segundo a coordenadora, se por ventura alguma adolescente não foi cadastrada em sua unidade de ensino e deixar de receber a dose, basta procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua casa. A vacina quadrivalente que combate o vírus HPV tipo 6,11, 16 e 18 é gratuita e estará disponível o ano todo.

Vale lembrar que se a menina completar 13 anos de idade ainda em 2014 deverá procurar uma Unidade de Saúde antes da sua data de aniversário. O objetivo desta vacina é atuar na prevenção do câncer de colo do útero, que é o terceiro tipo mais frequente entre as mulheres e por isso a grande procura por parte de alguns pais, mesmo os que têm filhos fora da faixa etária determinada. Na rede privada a dose desta mesma vacina custa em torno de R$500,00.

Em Açailândia a campanha está superando as expectativas da Secretaria de Saúde. Mesmo antes de completar um mês do desenvolvimento da campanha a meta já está sendo alcançada conforme o número de meninas residentes por faixa etária.

11 anos: a meta é de 1.133. Cerca de 917 já receberam a dose / 80,93%

12 anos: a meta é de 1.138. Cerca de 920 já receberam a dose / 80,84%

13 anos: a meta é de 1.139. Cerca de 925 já receberam a dose / 80,99%.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.