Pages

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Do blog do Nilton Sumiu: O SAAE Açailândia Precisa de Uma Devassa em Sua Contabilidade!

 
Em 2007, o município de Açailândia, já era responsável por 5,96% da riqueza do Maranhão! O PIB maranhense estava na casa dos R$ 31,6 bilhões. Se for comparado o crescimento econômico do Maranhão, com o de Açailândia, os números do IBGE mostram que a cidade teve percentual de crescimento 43% superior à média do Estado de 2003 a 2007.

Segundo os dados estatísticos, em 2007, Açailândia apresentou um percentual de 5,7% de toda riqueza do estado, atrás somente da capital São Luis, que tem uma participação de mais de R$ 12 bilhões e um percentual de 38,95%. Contudo, ficou à frente de cidades importantes e antigas, como Imperatriz (4,98%); Caxias (2,39%) e Balsas (2,01%).

Mesmo com esses dados técnicos, fornecido pelo (IBGE) instituto brasileiro de geografia e estatísticas, a população de Açailândia passa por um grande dilema; a corrupção! Que emperra o desenvolvimento, e faz uma péssima distribuição de renda. Tudo isso, fruto da impunidade, e da falta de ações concretas dos órgãos de fiscalização.

Na semana passada, o diretor do (SAAE) serviço autônomo de águas e esgoto, Élson Santos, teve a cara de pau de dizer durante a audiência fictícia de apresentação de contas da prefeitura, realizada na câmara municipal, que o (SAAE) não é auto-sustentável!  E apresentou em poucas palavras uma explanação das contas do órgão publico, mais nada com dados técnicos de arrecadação e despesas. Depois o mesmo com medo de cobranças, saiu pelas portas dos fundos, com medo de ter que dar explicações, Ficou no ar à sensação, de que o diretor do órgão estava querendo esconder algo.

Agora vamos aos fatos, a empresa Vale do Rio Dourado, de propriedade do seu Valter, administrou por vários anos a distribuição de água em boa parte da cidade, a mesma era auto-sustentável! Pagava muito bem seus funcionários, e fez vários investimentos na área. O prefeito de olho gordo na arrecadação, resolveu criar uma autarquia municipal, e escalou para a missão de comandar o (SAAE),  o seu sobrinho Élson Santos.

E seu Élson Santo pegou um órgão sanado, que não teve quase que investir em nada, pois segundo informações, o (SAAE) pagou uma (MERRECA) pelas instalações da empresa do seu Valter, e ainda encontrou varias caixas de águas, e reservatórios com bombas de distribuição de água, tudo comprado com dinheiro publico. Diante desses fatos, você acredita que o (SAAE) ainda precisa de dinheiro da prefeitura para funcionar? Se isso mesmo estiver acontecendo o prefeito tem que demitir toda diretoria do órgão, e colocar pessoas com competência.

Como formadores de opinião, mesmo sem sermos respeitados pelo chefe do executivo, somos obrigados a falar e divulgar as mazelas administrativas, muita vezes sobre pressão, daqueles que não querem jamais que os fatos venham a publico.

Ai você amigo leitor, pergunta. O que temos a ver com isso? Já pensou se numa cidade que não existe fiscalização dos órgãos competentes, tipo câmara municipal, ministério publico, policia federal, etc. etc. onde parte da imprensa é paga para vender uma cidade de  ilusão, a mídia independente é a única alternativa para se denunciar esses crimes praticados pelo poder publico. 

Em nome da população de Açailandia, esse humilde Blogueiro vem a publico, pedir ao vereador Juscelino Oliveira, o único parlamentar que defende o interesse do povo naquela casa, que o mesmo convoque o Diretor do (SAAE), Élson Santos, para dar explicações detalhadas e fazer uma devassa nas contas do órgão.
 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.