Pages

quinta-feira, 18 de abril de 2013

CRAM - CENTRO DE REFERÊNCIA E ATENDIMENTO À MULHER UM COMPROMISSO DO GOVERNO GLEIDE SANTOS.


Começou nesta quarta-feira (17/04) na sede do CRAM - Centro de Referência e atendimento à Mulher o Cadastramento dessas Mulheres que estão participando do “PROJETO MÃOS DADAS” objetivando a escolha e seleção de muitas delas para a composição das diretorias nas Cooperativas.

Segundo a Coordenadora do CRAM Srª Raimundinha Costa Lima, estás mulheres tem a oportunidade de conhecer de perto este ponto de apoio tão importante para as Mulheres de Açailândia, que agora contam com atendimento e acompanhamento psicológico, social, jurídico, orientação e informação às mulheres em situação de violência.


Para Drª Sandra Alves Carvalho (Presidente do Conselho da Mulher e colaboradora do “Projeto Mãos Dadas” a qualificação da primeira etapa no projeto serviu para que estas cooperadas apreendesse noções de; Empreendedorismo, Cidadania, Meio Ambiente,Relações Interpessoais,Cooperativismo preparando todas elas para a inclusão social que agora passam por um processo de seleção categórica, onde serão todas encaixadas de acordo com  a capacidade de cada uma no trabalho cooperado com o objetivo final na geração de emprego e renda com auxílio técnico da prefeitura de Açailândia (Prefeita Gleide Santos).


De acordo com Assistente Social Srª Luana Carvalho,o CRAM oferece integralmente as Mulheres e família em situação de violência, oferecendo acolhimento, atendimento psicológico, social jurídico e prestando serviços de orientação, informação e inserção da mulher no mercado de trabalho. Atua em conjunto e parceria com a Delegacia da Mulher e demais orgãos.

A Instalação do CRAM faz parte das ações municipais para ampliar a integração entre as redes de atendimento às mulheres em Açailândia. Ao longo do ano (2013), a Secretaria de Ação Social realizará capacitações aos funcionários responsáveis pelo atendimento às mulheres, em especial às vítimas de violência doméstica, incluindo ações conjuntas com outros Poderes para melhorar ainda mais o atendimento das mulheres em situação de risco.

No Centro, são realizados em média de 20 a 30 atendimentos por dia, e a expectativa é de ampliação de atendimentos com a divulgação do novo espaço. Esta ação proporciona benefícios à população atendida, como a diminuição da violência contra a mulher e o aprendizado através das Cooperativas como alternativa de complemento da renda familiar.

Centro de Referência e Atendimento à Mulher em Situação de Violência
É Um local que tem o objetivo de dar atendimento psicológico, social e jurídico às mulheres que sofrem violência doméstica e familiar.
Todos os atendimentos são gratuitos e disponíveis às moradoras do município maiores de 18 anos.

O QUE É ?
 
O Centro de Referência é o espaço estratégico da política de enfrentamento à violência contra as mulheres, exercendo o papel de articulador dos serviços, organismos governamentais e não governamentais que integram a rede de atendimento às mulheres e garantindo o acesso a outros serviços para as que se encontram em situação de vulnerabilidade social, em função da violência de gênero.

O QUE FAZ ?


Oferece atendimento e acompanhamento psicológico, social, jurídico, orientação e informação às mulheres em situação de violência;Presta orientação, sobre os diferentes serviços disponíveis, para prevenção, apoio e assistência;Auxilia na obtenção do apoio jurídico necessário a cada caso específico.
 

       SERVIÇO

Funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
Av. Edilson Caridade Ribeiro, S/Nº, Residencial Tropical – Açailândia - MA
Mais informações podem ser obtidas pelos telefones:

(99) 9103-5373 e (99) 9138-9410

















0 comentários:

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.