Pages

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Faculdade FAIAMA coordenada pela presidente do SINTRASSEMA, Maria da Paz, tem pedido de investigação aberta no Ministério Público Federal por irregularidades


Maria da Paz, coordenadora da FAIAMA
O pedido foi feito pela procuradoria do Município de Açailândia visando prevenir os alunos de futuros prejuízos como o que já aconteceu com alguns concursados que não puderam assumir vagas por não terem diplomas reconhecidos, a FAIAMA é coordenada pela presidente do SINTRASSEMA, Maria da Paz.
A FAIAMA não esta credenciada nem ligada a uma faculdade credenciada para validar cursos de graduação e pós-graduação em Açailândia, sendo assim está funcionando de forma ilegal e levando centenas de pessoas ao prejuízo.

A FAIAMA hoje oferta cursos de Educação física, Pedagogia e Assistente social, a faculdade é coordenada por Maria da Paz, presidente do SINTRASSEMA  e de acordo com o site do MEC não existe nenhum credenciamento da tal faculdade, sem esse credenciamento o aluno que fizer algum curso superior corre o sério risco de não receber o diploma, o que geralmente ocorre nesses casos, e isso implica em prejuízo ao aluno e o impede de validar seu curso.

A FAIAMA hoje tem cerca de 300 alunos que não poderão receber diploma ao final do curso por que a faculdade não tem credenciamento junto ao MEC, como via de escape dessa situação a FAIAMA emite certificados com supostos convênios com outras faculdades como a FATREMIS e FAERTREPE, no entanto nenhuma dessas faculdades possui polo em Açailândia o que a torna ilegal para oferecer ou validar esses cursos aqui em Açailândia.

Mesmo se a diretoria da faculdade apresentar convênios com outras instituições e afirmar que haverá validação dos cursos, não será verdade por que nenhuma das faculdades anunciadas como conveniadas a FAIAMA possui autorização para ministrar ou validar cursos nessa região, inclusive uma das instituições anunciadas como conveniada teve seu credenciamento junto ao MEC cancelado em 2009.

O caso é tão sério que uma turma de ex-alunos da FAIAMA fizeram concurso público e não puderam assumir por que os diplomas não foram reconhecidos, por isso fique atento e procure todas as informações de credenciamento dessas faculdades que você planeja estudar aqui em Açailândia, avalie e se certifique que você não será prejudicado.

A FAIAMA alegou que é conveniada com a FAR, Faculdade Reunidas e que isso a credencia a validar seus cursos e diplomas, porém a FAR foi descredenciada do MEC em 2009, ficando assim impedida de validar ou oferecer qualquer curso na esfera superior.

Fonte: http://www.gilbertofreire.com.br/

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e se quiser sua mensagen sera anonima. Os comentarios seram publecados apos avaliação do blogger, Não e permitido spams.